Skip to content

Todos na BHP Billiton foram profundamente afetados pelo terrível incidente nas operações de minério de ferro da Samarco em Minas Gerais, Brasil. Parece ter ocorrido já há um bom tempo, porém o acidente ocorreu pouco mais de uma semana atrás, e permanecemos muito tristes e preocupados com a comunidade da região. Viajei para a região na semana passada com Jimmy Wilson, que, como muitos de vocês sabem, é o nosso Diretor da área de Minério de Ferro. A devastação que testemunhamos no local e em torno da comunidade foi muito dolorosa. Foi importante termos ido para lá para sabermos mais informações sobre a situação local e entendermos melhor como a BHP Billiton poderá fazer para melhor ajudar, tanto agora como a longo prazo.

Passamos um tempo com os trabalhadores e a equipe de gestão da Samarco. Conversei com os prefeitos, governadores de estado e mesmo com a Presidente do país. Também passei bastante tempo com as equipes de socorro, que tiveram que lidar com as condições de resgate bem desesperadoras e difíceis, e em todos os casos, nós lhes dissemos que poderiam ficar confiantes que ofereceremos à Samarco nosso pleno apoio em seus esforços de resposta humanitária.

O apoio será dado em muitas fases, porém agora o foco imediato consiste muito mais em tornar seguro o que temos por lá, continuando a operação de resgate e começando com o apoio humanitário o quanto antes, e já estamos fazendo um bom progresso nessas áreas.

Tendo conversado especialmente com as pessoas na base, ouvi histórias de imensa coragem, heroísmo e um verdadeiro compromisso com o esforço de resposta. É de admirar a coragem e a resiliência da força de trabalho na Samarco, das comunidades que foram terrivelmente afetadas e das equipes de socorro em função deste acontecimento horrível.

Nossa prioridade agora tem que ser o bem-estar da força de trabalho e da comunidade local. Recebo relatórios regularmente e o que me encorajou e me manteve encorajado foi o apoio que vi a Samarco fornecendo.

A Samarco continua a fornecer alimentos, água e suprimentos de emergência para as comunidades locais. A empresa também continua a trabalhar com os esforços das autoridades no fornecimento de água limpa para as comunidades mais afastadas, localizadas ao longo do Rio Doce.

Mais de 600 pessoas perderam as suas casas neste trágico acidente e foram encaminhadas para um hotel ou pousada. No momento a Samarco está consultando cada família para verificar se preferem ficar em hotéis ou se mudarem para algumas casas alugadas que identificamos. Foram avaliadas mais de 300 propriedades potenciais para locação que serão validadas pela comunidade antes das famílias se mudarem. As primeiras famílias estão começando a se transferir para essa acomodação, e na verdade começaram não faz muito tempo após termos partido.

Também fico satisfeito em dizer que as crianças de Bento Rodrigues e Paracatu voltam para a escola hoje, com aulas ocorrendo em Mariana. A Samarco garantiu que as crianças tivessem o mesmo professor e colegas de classe como antes do acidente, a fim de ajudar nesse processo de ajuste bastante doloroso.

Na BHP Billiton, reconhecemos que temos a responsabilidade de apoiar a Samarco e as autoridades locais no esforço de resposta humanitária, e garanto a vocês que estou absolutamente determinado a desempenhar plenamente a nossa parte nessa solução. A BHP Billiton possui uma crescente equipe própria, formada por peritos em solo, incluindo geotécnicos, equipes de socorro e peritos em resposta humanitária, executivos seniores de saúde e segurança, cientistas ambientais e muitas equipes de apoio, fazendo tanto parte de nossa própria estrutura como também contratados externamente. Eles trabalharão com a Samarco, as comunidades, autoridades locais e com uma equipe similar da Vale, visando determinar quais recursos adicionais podemos fornecer às autoridades locais e ainda apoiar os esforços de resposta da Samarco a longo prazo.

Nesse momento você já deve saber, como resultado de uma coletiva de imprensa que realizei em conjunto com o Murilo Ferreira na semana passada, que nós, juntamente com a Vale, estamos comprometidos a apoiar a Samarco na criação de um fundo de emergência para obras de reconstrução, a fim de auxiliarmos as famílias e as comunidades afetadas e potencialmente também na área de remediação ambiental. Estamos trabalhando com as autoridades para garantirmos que isto seja estabelecido e que as obras se tornem operacionais tão logo possível.

A minimização do impacto ambiental deste incidente também é uma prioridade, e um plano de recuperação ambiental está sendo desenvolvido com a nossa assistência através da Samarco, e é claro, com o apoio de alguns dos nossos peritos externos. A Samarco continua a acompanhar as instalações de rejeitos que foram impactadas, incluindo a barragem de Germano, e, novamente em conjunto com outros especialistas independentes, desenvolverá um plano com o objetivo de estabilizar a área e reforçar as estruturas da barragem que já não possuem mais o suporte dos conteúdos da barragem onde ocorreu o rompimento.

As operações de mineração da Samarco em Germano foram interrompidas imediatamente após o incidente, e a licença de funcionamento da Samarco foi subsequentemente suspensa. As operações permanecerão suspensas, enquanto as autoridades iniciam a investigação e os planos de retificação das obras são desenvolvidos. Os colaboradores da Samarco receberam uma licença remunerada. Alguns continuam naturalmente, é claro, a trabalhar com as operações de resgate e recuperação, e a Samarco está considerando opções de gerenciamento da força de trabalho a longo prazo.

A Samarco, como operadora, continuará a atualizar as notícias mais regularmente sobre a situação e os esforços para suporte, mas também forneceremos outras atualizações sempre que houverem mais informações disponíveis. No entanto, neste contexto, tenho certeza de que você entenderá que ainda não temos respostas para todas as perguntas que tanto você possa fazer como na verdade, nós mesmos também podemos perguntar, porém desejo voltar a enfatizar que lamentamos profundamente pelo sofrimento pelo qual todos estão passando e poderão ainda passar em decorrência desta terrível tragédia. Deixe-me ser bem claro: estamos 100% comprometidos em fazer tudo o que podemos para apoiar a Samarco à medida que a empresa trabalha na reconstrução das comunidades e na restauração do meio ambiente, de uma maneira que acho que seja aceitável e considerada plausível por homens e mulheres.

Subscribe to news alerts

No keyword(s) entered

Please ensure you enter a keyword and try searching again

Invalid email

Sorry, we are unable to subscribe you. Please ensure you have entered a valid email address and try again.

Subscription received

Thank you for subscribing to BHP Billiton news alerts. Please check your email for confirmation of your subscription.

Subscription confirmed

You have already signed up to our newsletter.

Loading the player...